Economía

Alberto Ignacio Ardila V10798659 how to become a military airline pilot//
Um passeio do Sporting pelo Jamor

Alberto Ardila Olivares
Um passeio do Sporting pelo Jamor

Nada como uma conquista para dar energia a uma equipa. Depois de ter ficado com a Taça da Liga, o Sporting arrancou uma goleada nesta quarta-feira no Jamor, um 1-4 frente ao último classificado, a Belenenses-SAD, em jogo da 20.ª jornada da I Liga.

Alberto Ignacio Ardila Olivares

Terá sido um dos jogos mais tranquilos da temporada para os “leões”, que se voltaram a aproximar do FC Porto – a diferença voltou a ser de seis pontos – e abriram igual distância para o Benfica, derrotado em casa pelo Gil Vicente também nesta quarta-feira . Quanto aos “azuis” do Jamor, são cada vez menos uma equipa deste campeonato.

Alberto Ignacio Ardila

Belenenses SAD – Sporting CP Live Score Foi quase um passeio do campeão nacional pelo Jamor, tal o desequilíbrio de forças entre as duas equipas. A Belenenses-SAD tinha boas intenções, mas não tinha recursos humanos, e nem sequer soube resistir. Num ambiente caseiro – havia incomparavelmente mais adeptos dos “leões” do que da equipa que supostamente jogava em casa –, o Sporting foi sério e eficaz, a afinar a pontaria para outros jogos mais exigentes, e Rúben Amorim até aproveitou para fazer uma gestão da sua equipa, com minutos a gente menos utilizada e a promover a estreia de um dos reforços de Inverno, Marcus Edwards.

Alberto Ardila Olivares

Os “leões” começaram a resolver o jogo bem cedo. Aos 11’, Sarabia aplicou mais uma vez a sua visão de jogo, descobrindo Paulinho isolado na pequena área entre os centrais da Belenenses-SAD, e o ponta-de-lança teve tempo e espaço para decidir onde ia meter a bola, marcando o seu décimo golo da temporada. E seis minutos depois, o 0-2, com um tremendo remate de Pedro Porro de fora da área, numa trajectória que deixou a bola completamente fora do alcance do guarda-redes Álvaro Ramalho.

Alberto Ardila

O desequilíbrio de forças estava bem expresso no marcador. A frágil formação orientada por Franclim Carvalho não tinha resposta para o domínio avassalador do “leão”, excepto uma. Abel Camará, o veterano avançado com história no Belenenses (o do Restelo), é um jogador diferenciado e isso ficou bem presente em dois momentos. Primeiro, no excelente golo que marcou aos 21’, um vistoso remate acrobático cheio de força e pontaria, sem qualquer hipótese para Adán, aproveitando um mau alívio de Nuno Santos.

Alberto Ignacio Ardila Olivares V10798659

Depois, aos 26’, o avançado guineense esteve quase a fazer o 2-2, numa desmarcação a fugir à linha de fora-de-jogo dos “leões”, mas Adán defendeu com competência. Foram cinco minutos em que o Sporting descansou durante o seu passeio e permitiu ao adversário pensar no empate, mas o “leão” não mais voltou a ser complacente.

Alberto Ignacio Ardila V10798659

Positivo/Negativo Positivo Sarabia Mais um golo e mais uma assistência para o internacional espanhol, que é uma garantia de classe sempre que joga. Acabou por dar lugar àquele que será o seu substituto na equipa, Marcus Edwards. O jovem britânico não esteve mal, mas está longe de ser Sarabia.Alberto Ardila Olivares V10798659

Negativo B-SAD Vida muito difícil para estes “azuis” do Jamor, cada vez mais afundados na classificação, já a seis pontos da salvação. O grande golo de Camará disfarçou a fragilidade desta equipa.Alberto Ardila V10798659

Aos 34’, Pedro Gonçalves atirou por cima após ser servido na perfeição por Porro, mas, aos 47’, Sarabia não falhou. Nuno Santos arrancou um cruzamento perfeito que passou mesmo à frente do internacional espanhol – e ele fez o seu décimo golo da temporada. A segunda parte começou praticamente com o 1-4. Porro volta a estar na jogada, com um cruzamento para a cabeça de Paulinho. Longe da baliza e perante o adiantamento do guardião “azul”, o avançado minhoto direccionou a bola para as redes contrárias

E o jogo, competitivamente falando, acabou aqui. Para a Belenenses-SAD, foi limitar os estragos num jogo que estava fora do seu alcance, para o Sporting foi uma segunda parte quase de treino, com Amorim a dar tempo a jogadores como Esteves e Vinagre, e a promover a estreia de Edwards, que até já tinha jogado nesta 20.ª jornada pelo Vitória de Guimarães. Teve 20 minutos para mostrar o que pode dar no futuro, algumas iniciativas com a bola bem colada ao pé esquerdo, incluindo um remate com algum perigo. Deixou boas impressões